Um pouco sobre o brevet do dia 18/10/2014

Pessoal, vou escrever algumas palavras sobre o brevet do próximo dia 18/10.

Posso iniciar dizendo que não será um brevet fácil. Teremos vários tipos de desafios, desde o relevo até condições climáticas adversas.

O brevet, como já devem saber, ocorrerá na região de São Luís do Paraitinga. É uma região bem montanhosa e que é a bacia de alguns rios muito importantes, como o Rio Paraitinga, o Paraibuna e o Rio do Peixe. Esses três rios se juntam em Paraibuna e formam o Rio Paraíba. Já adianto que iremos sair da bacia do rio Paraitinga, iremos para o Paraibuna e em algum momento retornaremos para o Paraitinga. Como iremos atravessar as bacias, se preparem para escalar.

O quê levar?
Recomendo levar muita água (se puder levar duas caramanholas, melhor) e sempre que puder complete as caramanholas.
Para comer, levem barras de cereal, rapadura, gel, paçoca, bacon… O que lhe convir.

Equipamentos:
Acredito que ninguém terminará o brevet de dia, assim recomendo o uso de colete reflexivo, pisca traseiro e lanterna. Qualquer randonneur que for flagrado sem esses ítens será desclassificado.
Preciso falar do capacete?

Em relação à bicicleta, algumas pessoas estão me perguntando se dá para ir de speed. Eu digo que dá pois não iremos atravessar nenhum rio, porém a pergunta que faço é: você está preparado psicológicamente e fisicamente para isso?
Há alguns trechos que são um pouco técnicos e pode ser que a speed não aguente o tranco. No entanto, se mesmo assim quiser ir, ficarei feliz em recebê-lo.

Dá para ir sem GPS?

Digo que dá se o ciclista souber se virar. Não há muitas bifurcações no trecho de terra, porém nunca se sabe as mágicas que o pessoal faz para se perder.
Para ajudar um pouco, sugiro que decore as localidades que passarão. As mais importantes são:

  • Topo da Serra de Ubatuba;
  • Núcleo Santa Virgínia;
  • Catuçaba;
  • Catióca;
  • Prainha;
  • Cunha;
  • Rocinha;
  • Lagoinha;
  • São Luís do Paraitinga.

As perguntas que pode-se fazer para alguém na rua é:
1 – Oi moço! Sabe como eu faço para chegar em Cunha pela Prainha?
2 – Diiiia! Como eu chego na Catióca?

E por aí vai…
Se não terminarem o brevet pelo menos a experiência servirá para se tornarem cicloturistas melhores. =P

This entry was posted in brevet 200km, informações, Randonnè. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s