Luís Trilha, ou o Perneta de Guararema

Não sei onde conheci esse cabra. Acho que foi em um BigBiker da vida, sinceramente não lembro.

Só sei que é um dos grandes exemplos de humildade e perseverança deste cRube.

Iniciou nos brevets lá pelos idos do brevet misto de São Luís do Paraitinga de 2014, que foi aquela quebradeira sem par.
Levou um OT na testa e desde então tem nos surpreendido. O ponto alto foi terminar o 400 de Guararema pedalando 250 km somente com um pedal, pois o Cranck não aguentou a porrada.

Neste 600 veio gripado e depois da subida do paredão em Piquete, teve a ganganta bloqueada na refrescante descida de Wenceslau Brás. Isso fez com que ele pedalasse mais leve, pois não conseguia mais comer e beber direito.

Chegou em Cruzeiro na capa da gaita, porém feliz do feito.
Como sempre, o organizador perguntou se ele gostou do trajeto. A resposta foi: Não pedalo nunca mais esse percurso….. doente. HAHAHA!

Luís, seja sempre bem vindo à roça.

WhatsApp-Image-20160621.png

Tá tranqüilo!

This entry was posted in aleatório, brevet 600km, Caxambu, Cruzeiro, fotos, LEL 2017, Paris Brest Paris 2019, São Lourenço, Sul de Minas, Super-Randonneurs. Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s